ORAÇÃO DA CRIANÇA

Papai do Céu, logo que acordo penso sempre em você. Quero o Senhor abençoe o meu dia que começa e que você esteja junto comigo em todos os dias de minha vida. Obrigado Papai do Céu. Amém.

terça-feira, 11 de setembro de 2012

PROGRAMAÇÃO PARA O DIA DAS CRIANÇAS



PROGRAMAÇÃO PARA O DIA DAS CRIANÇAS
Parte 1:
·        Boas vindas!
·        Apresentação
·        Louvor
·        Poesia (UCP)
·        Fantoche (mensagem)
·        Louvor
·        Musical solo- Dandara
·        Oração - Ramilla
·        Musical  - Hiago
Parte 2:
·        Cadeira
·        Encher balão
·        Corrida maluka (bacia com água, bacia com trigo e a bala dentro.vestir a blusa mais rápido colocar a linha na agulha)
·        Briga de galo
·        Dança da laranja
Parte 3:
·        Distribuição de brinquedos ( entregar um papel com o JESUS ter cuidado para as crianças não abrirem antes que todos tenham recebido o brinde (papel) Explicar que o melhor presente é Jesus.
Parte 4:
Lanche cachorro quente + refrigerante

POESIA
CRIANÇA
(Beatriz Junqueira Accorsi)

·        Criança doce e querida,
Visão de amor e pureza!
Do mundo és a esperança!
És força, mesmo indefesa.
·        Ao contemplar-te, criança!
Sorris, feliz, sem malícia:
Dos anjos és a lembrança.

·        Quem dera, tu só crescesses
No corpo e mente, criança!
E o coração teu, tão puro,
Nunca sofresse mudança!

·        Se te imitassem os homens,
Na tua meiga pujança,
Construiriam um mundo
De Fé, de Amor, de Esperança!
·        Criança doce e querida,
Fico a te olhar com ternura,
Querendo ser como tu,
Assim tão simples, tão pura!

CARTA  PARA DEUS
Natália e Fernanda são irmãs, aprenderam desde pequenas a confiar em Deus.

Com as circunstâncias da vida vieram dificuldades, entre as dificuldades, tentações.
A Natália, diante da pressão, vacilou.
Fernanda permaneceu firme, um dia, além de uma palavra de apoio para a irmã entrega uma carta assinada por Deus.
A mesma autora escreveu outra peça que tem o mesmo nome UMA CARTA DE DEUS
1° Ato.
NATÁLIA: Fê, lembra de quando éramos crianças, a mãe orando com nos no pé da cama?
(Iluminação abaixa)
NARRADOR: Em marcos 13 Jesus ensinava o povo, ele começa a contar: Certo dia sai o semeador a semear, parte da semente cai em terra com espinhos, outra cai em terra boa, e frutifica a 30, a 60 e a 100 por 1! ... Quantos corações têm sido terra com espinhos, a palavra tem tentado crescer, mais as situações, te cercam, vai ficando cada dia mais fraco, fraco.(Vai se ajoelhando)Até te sufocar completamente!... Continuando a nossa historia!
( A luz apaga.)
2° Ato
(ao reacender já estão no palco as duas irmãs e o mercador)
MERCADOR: Se acham filhinhas de Deus! ... Veja Fernanda, o que tenho pra você, ( Entra um rapaz bem alinhado) É esse o mais belo aos seus olhos?! ... Vamos, Vamos logo, Sei que você quer! Pense no quanto todos vão admirar vocês, o casal mais lindo! ... Esperar pra que? ... Entregue-me as tuas promessas, Esperar pra que? Se pode ter agora!
NATÁLIA: Não sei mercador!
MERCADOR: Pense bem! ... Um homem desses não vai ficar só, por muito tempo! Veja bem!
NATÁLIA: Esta bem mercador. Te entrego minhas promessas! Sempre fui apaixonada por ele mesmo!
MERCADOR: Vamos tirar essa veste de louvor, não vai mais precisar dela! (mercador envolve o casal com correntes) Até Jesus foi tentado em suas necessidades, comida, dinheiro, poder! ... Sei que alto preço foi pago por você. Bobagem eu quero pagar o preço pra você voltar a ser meu escravo! Afinal esse é meu trabalho! ... Agora é sua vez Fernanda!
FERNANDA: Nada do que possa me oferecer, é melhor do que meu senhor!
MERCADOR: Vamos ver! ... Posso te fazer uma das mulheres mais inteligentes e importante dessa terra. Pense bem!
FERNANDA: Não preciso pensar! O principio da minha sabedoria é o temor ao meu Deus!
MERCADOR: Deus só pode estar de piada comigo! ... Olha pra sua vida, cresceu sem mãe, que lindo a família perfeita voltando da igreja. Um bêbado bate o carro. Ele nem se machucou, porém sua mamãe morreu antes mesmo de chegar ao hospital! ... E quer me falar de Deus! ... Isso sem falar que hoje seu pai é um bêbado igual o que matou a sua mãe!
FERNANDA: Eu te amo, óh Senhor, minha força. O senhor é a minha rocha, o meu libertador; O meu Deus meu rochedo, em quem me refugio; O meu escudo, a força da minha salvação!
MERCADOR: Está cega? ... Você está vendo no que vive. Passa o dia em um trabalho medíocre, chega em casa encontra seu pai bêbado! Eu posso mudar isso. Me entregue as suas promessas
FERNANDA: Jamais mercador!
MERCADOR: Olha pra sua realidade!
FERNANDA:(começa a cantar)
Já posso sorrir
Em meio a tempestade de areia
Meus olhos só conseguem
Enxergar as suas promessas
Que eu sei que vou viver
MERCADOR: (começa a cantar)
Tempo demais, já se passou
Pode se frustrar entre as situações
FERNANDA:(começa a cantar)
É possível passar pelo deserto
Sem ser marcado pela decepção,
pela frustração, vou ver pela fé!
( a luzes se apagam)
3° Ato
(Entra Fernanda discutindo)
HOMEM:  Cala a boca! Você não serve pra nada mesmo!
(Homem sai)
NATÁLIA: Como eu abri mão da minha primogenitura, das minhas promessas! O Mercador me enganou. Agora não consigo mais sentir a presença de Deus! Troquei a veste de louvores por um prato de lentilha! O que eu tenho é um casamento mascarado, quem olha fala que não podia ser mais feliz, meu marido é um grosso! ... Agora não tem mais volta!
(Entra Fernanda)
FERNANDA: Não diga isso irmã, Jesus te ama!
NATÁLIA: Bem fez você, que não vendeu as suas promessas! ... Eu me enganei, mas não há volta pra mim! ... Suja pelo meu pecado, só me resta me conformar!
FERNANDA: Jesus renova a suas misericórdias a cada manha! ... Essa carta é pra você!
(Fernanda sai)
NATÁLIA: Uma carta de Deus! ... Ela ainda tem coragem de brincar comigo! ... Quem dera se fosse verdade! ... Não custa abrir, já estou na pior mesmo!
A carta
´´Minha filha não tem um só dia que eu não pense em você!
Meu coração se entristeceu, quando você se afastou de mim!
Mas fico ainda mais triste quando você diz: Não há mais salvação pra mim!
Eu, seu Deus e pai, dei o meu filho por você.
Jesus morreu naquela cruz, para salvar sua vida!
Eu ainda estou batendo na porta do seu coração, e vou continuar até o ultimo dia!
Deixe-me entrar de novo no seu coração!
Eu quero restituir a tua dignidade, tua paz, tua felicidade!
Por isso me receba, receba a dignidade novamente!
E nunca diga: sou derrotada;
Pois eu te digo: E graças a Deus, que sempre nos faz triunfar em Cristo… (II Coríntios 2:14)
Ou que esta fraca: pois eu te digo: O SENHOR é a força da minha vida. (Salmos 27:1) …mas o povo que conhece ao seu Deus se tornará forte e fará proezas. (Daniel 11:32)
Eu quero ser o seu pai, deixe-me ser o seu pai!
Deixa eu te lavar, no sangue do cordeiro vivo!
Trocar suas vestes, te fazer mais limpa do que a neve.
Deixa-me tirar as tuas vestes da fraqueza, do medo!
Eu estou de braços abertos! Só precisa dizer Jesus, entra no meu coração, eu mudarei tua historia!
Do seu Deus, do seu pai! ´´
(Natália se ajoelha)
NATÁLIA: Senhor, me rendo aos seus pés! ...Vem novamente reinar na minha vida! .. Traz de volta ao meu coração o primeiro amor! Eu preciso ser lavada no sangue de Jesus! Tira, muda minhas veste!
(Narrador ajuda Natália a levantar-se)
NARRADOR: Levante-se, eu sou teu pai! ...Vá, pois te fiz nova criatura! ...Eu restituo sua dignidade, sua paz, levante-se pra viver um novo tempo, como minha filha!

  

É TÃO IMPORTANTE ORAR



Peça para fantoche, que pode ser apresentada por atores, são apenas dois personagens; Lalá e Juninho
Os dois falam sobre a oração, ensinando que uma conversa com Deus.
Agradecendo ou pedindo, conversando com Deus, criando uma intimidade, uma amizade...
A plateia é convidada a conversar com Deus também.


LALÁ: Você sabia que Orar é falar com Deus?
JUNINHO: É mesmo Lalá?.
LALÁ: Deus quer que a gente fale com Ele todo o tempo. E é por isso que eu tento falar com Ele todos os dias: Segunda, terça, quarta, quinta, sexta, sábado e domingo, qualquer dia é perfeito para orar!
JUNINHO: Que legal, que você fala com Ele todos os dias. E como eu sei se Ele gosta que eu converse com Ele?
LALÁ: Deus gosta que a gente fale com Ele porque Ele nos ama, e quer passar um tempinho a sós conosco.
JUNINHO: E ele também gosta de ouvir que eu O amo.
LALÁ: É verdade, por isso eu digo todos os dias o quanto eu O amo.
LALÁ: Eu digo: "te amo Deus".
JUNINHO: Sempre que eu falo com Deus, acabo conhecendo Deus um pouquinho mais.
LALÁ: Eu adoro conversar com Deus. Ele quer que todo mundo fale com Ele e O conheça.
JUNINHO: E isso posso fazer todos os dias, onde eu estiver.
LALÁ: Você sabia que tem outra maneira de conhecer Deus, Juninho?
JUNINHO: Nossa que legal Lalá, outra maneira sem ser orando. Qual?
LALÁ: Ler a Bíblia e ouvir as historinhas legais que ela conta. Deus nos deu Sua palavra, a Bíblia para o conhecermos melhor. Ela nos ensina a Orar e Falar com Deus.
JUNINHO: Por isso eu digo: "Deus obrigado pela bíblia!"
LALÁ: A Bíblia conta que Deus quer que agradeça a Ele por todas as coisas legais em minha vida.
JUNINHO: AH, então vou agradecer a Ele pela mamãe e pelo papai, por meus irmãos e minhas irmãs, meus avós e primos. Por toda minha família.
LALÁ: Eu também posso agradecer a Deus por meus amigos e por todas as pessoas que me amam. Por isso eu digo: "Deus obrigado por todos que o Senhor colocou em minha vida para eu amar".
JUNINHO: Deus ainda quer que a gente agradeça a Ele pelo azul do céu, pela grama verdinha, e pelas nuvens branquinhas.
LALÁ: Eu também agradeço pelo vento que sopra, pela chuva que refresca e pelo sol morninho da manhã.
JUNINHO: Eu agradeço pelas arvores enormes, pelas flores coloridas, pelas altas montanhas e pelos oceano profundo.
LALÁ: Eu agradeço por tudo o que Deus fez!
LALÁ: Eu digo: obrigado, Deus por me dar minha casa e pela cama gostosa que eu tenho para dormir todas as noites. Pelos meus brinquedos favoritos e pelo parquinho em que eu brinco".
JUNINHO: Quando eu oro, nem consigo esperar agradecer a Deus por todos os animais fofinhos que Ele criou.
LALÁ: Eu também agradeço por aqueles bichinhos que não posso ter em casa mas que são muiiiito legais como o elefante, a girafa, o urso, o tigre, os golfinhos e a baleia.
JUNINHO: Por todos os animais da terra, os peixes no mar e os pássaros no céu são criações de Deus.
JUNINHO: Por isso eu digo: " Deus, obrigado por todos os animais que eu posso cuidar e que eu posso amar. obrigado por todos os animais que o Senhor criou".
LALÁ: Juninho você sabe o que é um amigo?
JUNINHO: Amigo é aquele que conversa e se importa comigo?
LALÁ: Isso mesmo, Deus é meu amigo por isso Ele quer que eu converse com Ele todos os dias. Afinal amigos sempre se falam.
JUNINHO: Nossa é mesmo, não consigo ser amigo de alguém que não conversa comigo. Por isso que falar com Deus todos os dias é importante.
LALÁ: O que eu mais gosto sobre falar com Deus é que eu posso contar para ele qualquer coisa. Deus quer que conte tudo o que é importante para mim, porque Ele também acha importante. Ele quer ser meu melhor amigo. Qualquer coisa que é importante para mim é importante para Deus.
JUNINHO: Por isso, eu digo: "Deus, obrigada por ser meu melhor amigo e porque posso te contar tudo."
LALÁ: Eu ainda posso falar com Deus sobre coisas boas, mas também posso falar sobre coisas ruins.
JUNINHO: Eu ouvir dizer que Deus quer saber quando alguma coisa me deixa feliz, e também quando me deixa triste. Assim Ele pode me ajudar!
LALÁ: Eu sei que Deus sempre me ouve e também sempre entende como estou me sentindo. E quando falo com Ele me sinto muito melhor.
JUNINHO: Por isso eu digo: “Obrigado, Deus, por me ouvir falar sobre tudo!”
LALÁ: Deus sempre nos ouve Juninho, não importa onde eu esteja. Posso falar com Ele quando estou debaixo das cobertas, em minha cama, e quando estou na banheira cheia de espuma.
JUNINHO: E eu posso falar com Deus quando estou brincando em casa ou no parquinho. Ele me ouve quando estou pulando, correndo, andando ou até quando vou tomar sorvete.
LALÁ: Deus nos ouve quando falamos com Ele em pé, de joelhos ou quando deitamos na cama, ou no chão.
JUNINHO: Por isso eu digo todos os dias: “Deus, obrigado, por estar sempre por perto”.
LALÁ: Deus nos escuta a qualquer hora do dia ou da noite. Posso falar com ele de manhã depois que acordo ou de tarde quando estou brincando.
JUNINHO: E ainda podemos falar com Ele de noite, quando a única luz que vemos é a que vem das estrelas e da lua.
LALÁ: Deus gosta muito quando falamos com Ele antes das refeições, para agradecer pelo alimento, Ele também gosta de ouvir a minha oração antes de ir para a cama.
JUNINHO: E sempre devemos agradecer a Deus pelo dia em que passamos. Por isso eu digo todos os dias: “Obrigado, Deus, porque o Senhor nunca dorme e está sempre cuidando de mim. Obrigado por me ouvir sempre que eu oro”.
LALÁ: Às vezes eu falo alto com Deus, mas Ele também me ouve quando eu falo baixinho.
JUNINHO: E Ele também pode me ouvir quando converso silenciosamente com Ele, quando as palavras estão somente na minha mente.
LALÁ: A Bíblia conta que quando eu falo, ou penso, coisas como “Obrigado, Deus!” ou “Me ajuda, Deus”, Deus me ouve. E tenho certeza que Ele me ajuda!
JUNINHO: Deus sempre ouve e aceita nossa oração né Lalá? Não importa o tipo de oração, pode ser bem longa ou bem curtinha. Pode ser uma oração que aprendemos na Igreja, ou podemos inventar nossa própria oração.
LALÁ: Noooossa que legal Juninho. Que legal, eu posso conversar com Deus assim como converso contigo.
JUNINHO: Deus conta na bíblia que se eu e você orarmos juntos é muito poderoso. Também posso orar por meus amiguinhos, e eles orarem por mim.
LALÁ: Algumas vezes podemos orar juntos por alguma coisa que queremos pedir em especial para Deus! Orar pelas pessoas é um jeito de compartilhar o amor de Deus com eles.
JUNINHO: Por isso eu digo todos os dias: “Querido Deus, me ajuda a orar mais vezes pelas pessoas”.
LALÁ: Deus cuida de mim e vê tudo o que eu faço. Ele sempre quer que eu faça a coisa certa.
JUNINHO: Mas a bíblia conta que Ele me ama mesmo se faço a coisa errada.
LALÁ: é verdade Juninho. Não importa o que fazemos de errado, Ele quer ouvir da nossa boquinha que erramos.
JUNINHO: Por isso eu conto para Deus e peço desculpas, Ele sempre fica feliz em me perdoar.
LALÁ: Na bíblia, Juninho, Ele conta que vai sempre nos perdoar quando fizermos algo de errado e reconhecermos que está errado e que não queremos mais fazer.
JUNINHO: E assim Deus acaba nos ensinando a fazer a coisa certa.
LALÁ: Por isso eu digo todos os dias: “Deus, me ajuda a não me esquecer de te obedecer e a meus pais também”.
JUNINHO: Eu gosto muito de ler a bíblia porque nela Deus nos conta muita coisa sobre Ele. Posso aprender dEle. Isso é muito legal.
LALÁ: Na bíblia conta que Jesus é o filho de Deus. E que Deus mandou Ele vir à Terra para que as pessoas pudessem estar mais perto de Deus e conhecê-lo melhor.
JUNINHO: Quando Jesus viveu por aqui, Ele também conversava com Deus todos os dias.
LALÁ: Jesus disse que Deus ama muito as criancinhas, e que elas podem sempre falar com Deus, porque elas são especiais para Ele.
JUNINHO: Jesus disse às pessoas: “Eu farei tudo o que vocês pedirem em meu nome”.
LALÁ: É por isso que eu sempre termino minha oração em nome de Jesus, amém”.
JUNINHO: Mas isso Lalá, não quer dizer que Deus vai sempre dar o que pedimos. Se for algo bom pra mim, ele vai me dar.
LALÁ: Por isso eu digo todos os dias: “Obrigado, Jesus, por responder as minhas orações”.
JUNINHO: Sempre que eu oro, eu acredito que Deus me ouve e que vai responder as minhas orações.
LALÁ: Deus sempre responde nossas orações. Mas é preciso confiarmos que Ele vai responder do jeito dEle e quando Ele quiser.
JUNINHO: Se Deus não responder na hora, não quer dizer que Ele não me ouviu, Ele me ouviu! Só está esperando o tempo certo pra me responder!
LALÁ: Juninho, ás vezes é muito difícil esperar. Se uma pessoa que eu gosto muito está doente, eu quero que ela fique boa logo. Ou quando desejo uma coisa não tenho paciência de esperar.
JUNINHO: Mas quando for assim, temos que lembrar que a nossa tarefa é orar e a de Deus responder nossa oração.
LALÁ: Ah bom, então eu vou fazer a minha tarefa e deixar que Deus faça a dEle.
JUNINHO: Por isso eu digo todos os dias: “Deus, me ajuda a ter paciências de esperar sua resposta às minhas orações”.
LALÁ: Eu posso ser apenas uma criança, mas minhas orações são poderosas, por que eu sou especial para Deus.
Mesmo que as crianças sejam pequenas, as orações delas são grandes para Deus. Minhas orações são tão importantes para Deus que, quando eu oro, Ele sempre chega pertinho de mim. E eu gosto de estar pertinho Dele também. É por isso que eu falo com Deus todos os dias, e digo: “Obrigado Deus por estar pertinho de mim agora e por me amar e me ouvir orar”.
JUNINHO: Nossa Lalá que lindo, a partir de hoje eu vou orar todos os dias e falar com Deus, eu também quero que Ele esteja bem pertinho de mim. E vou convidar meus amiguinhos a estarem bem pertinho dEle também.
LALÁ: Turminha vocês querem estar bem pertinho de Deus?
JUNINHO: Então vamos orar todos juntinhos. Para que Deus possa ficar juntinho de nós.
LALÁ: Eu vou falar e vocês repetem. “Deus hoje eu descobri que posso estar bem pertinho de ti, basta eu orar, contar como foi o meu dia. Mas às vezes eu esqueço de falar com o Senhor. Envia o Espírito Santo para morar em meu coração, e me ajudar a lembra a fazer as coisas que te alegram. Em nome de Jesus. Amém!
JUNINHO: É Lalá, a partir de hoje Deus ganhou mais um monte de amiguinhos para conversar com Ele. Nossa deve estar tendo festa no céu.
LALÁ: Deus está muito feliz.
JUNINHO: Lalá eu tenho que ir já está na hora de tomar meu banho e ir agradecer a Deus por tudo que Ele nos ensinou hoje.
LALÁ: eu também já vou. Tchau turminha, não esqueçam de chegar em casa e agradecer a Deus por estarmos juntos hoje.

 

 

NÃO HÁ AMOR MAIOR


Preconceito e racismo são expostos e combatidos ao mesmo tempo que é falado do evangelho.
Zeca é branquelo, Zico é preto.
Zeca que evitar chegar perto do Zico, Maria intervem...
Deus ama tanto um quanto o outro...


ZICO: Oi, Maria! Olha só a bola novinha que eu ganhei! Vocês,não querem jogar um pouquinho?
ZECA: Xi! Ficou tudo escuro por aqui! Sai pra lá com essa bola, seu carvão. Ninguém quer brincar, não.
MARIA: Zeca, não precisa falar assim com ele. Você é tão mau! O Ziquinho é meu amigo.
ZECA: Eu falo mesmo, eu não gosto de menino preto!
MARIA: Não liga não, Ziquinho!
ZICO: Eu não ligo não, eu sou pretinho mesmo. Ainda mais preto é o coração dele.
MARIA: Quero saber o que o Ziquinho fez com você.
ZECA: Não fez nada, mas eu não gosto dele. Vamos brincar, Maria?
MARIA: Zeca, eu não vou brincar com você! Vou brincar com o Ziquinho, tchau!
(ZICO E MARIA SAEM DE CENA, E ZECA FALA SOZINHO)
ZECA: Maria, volta aqui! O meu carrinho é mais bonito, vamos brincar!
(ZECA SAI DE CENA, ENTRAM ZICO E MARIA)
ZICO: Pôxa, Maria, você é muito bacana. Você sabe ser amiga de verdade.
MARIA: O Zeca precisa aprender a amar as pessoas como elas são. Você não ficou zangado não né?
ZICO: Não. Eu sei que Deus me ama assim como eu sou. Se ele quisesse, poderia me fazer diferente, mas ele achou que eu iria ficar lindinho assim, queimadinho
MARIA: É mesmo! Sabe, o importante não é a cor, mas o coração. As pessoas precisam ter um coração bom.
ZICO: Vamos brincar?
MARIA: Vamos! Que bola bonita heim! (saem de cena, entra o Zeca)
ZECA: Maria, Mariaaaaaaaa!
MARIA: oi, Zeca! É você que está me chamando?
ZECA: Puxa Maria! Você não quis brincar comigo?
MARIA: Olha aqui, Zeca, eu não gostei nada do que você falou do meu amigo Ziquinho. Quero lhe dizer que você precisa amar as pessoas do jeito que elas são.
ZECA: Eu amo! Só que eu não gosto de pretinho.
MARIA: Amar é amar a todos! E você já pensou se fosse você que estivesse no lugar dele e não gostassem de você? Como se sentiria?
ZECA: Não quero pensar nisso agora.
MARIA: Você precisa pensar, sim. Se você não quiser ser amigo dele, eu não serei sua amiga. Zeca, foi Deus quem fez todas as coisas. Ele fez você brancão porque achou que você fica mais bonito assim. Fez o Ziquinho pretinho, porque achou mais bonitinho. Deus não faz distinção entre as pessoas. Ele ama a todos de uma maneira especial. Não existe maior amor. Zeca,sabe de uma coisa...
ZECA: o que Maria?
MARIA: No céu só tem uma porta para entrar.
ZECA: Uma porta?
MARIA: E, uma porta. E já pensou quando você for entrar naquela porta e não quiser ver o Ziquinho? Você não vai entrar, porque ele estará lá dentro! Então, vai ficar do lado de fora?!
ZECA: É, eu não tinha pensado nisso.
MARIA: Não há maior amor que o de Deus por nós. Mas, Zeca, você precisa pedir perdão ao Ziquinho e a Deus. O Senhor o ensinará a amar o próximo, porque aquele que não ama não conhece a Deus. Deus é amor: E o seu coração precisa ficar  branquinho, sem pecado.
ZECA: Que grande amor Deus tem por nós Maria!
MARIA: E não há maior amor que o dEle, a ponto de dar o seu único filho, Jesus, para morrer por nós na cruz e nos salvar. Ele não morreu só por mim, mas por todos.
ZECA: Aí vem o Ziquinho.
MARIA: Olha lá, Zeca! Só quero ver!
ZECA: Tá bom, Maria! Eu agora entendi e acho que você tem razão. Eu preciso amar o Ziquinho, senão o meu coração estará cheio de pecados e não poderei ir para ,o céu.
ZICO: Oi Maria! Tudo bem por ai?
MARIA: Tudo, Ziquinho! O Zeca quer falar com você.
ZICO: Esse branquelo quer falar o quê comigo? Ele quer me ofender?
MARIA: Calma, Ziquinho, ele quer lhe pedir desculpas.
ZICO: Pedir o que? Desculpas?
ZECA: É, desculpas! Eu preciso aprender a amar as pessoas, mas nao me chama de branquelo que eu não gosto.
MARIA: Viu, Zeca, assim como não é bom que as pessoas caçoem de nós, não devemos caçoar de ninguém. Ser negro não édefeito!
ZICO: Zeca, eu já te perdoei. Desculpe-me também por te chamar de branquelo.
ZECA: Ah! Ah! Ah! Zico, eu tão feio que sou e tenho uma pessoa que me ama assim como sou, mesmo chamando as pessoas de feias, sem olhar os meus defeitos...
ZICO: Ainda bem que temos alguém que nos ama muito, não é?
MARIA: Não há maior amor.

Música:
 
 DEUS TE AMA E EU TE AMO
D             G              D             A
Deus te ama e eu te amo, e assim devemos viver.
D             G            D     A        D
Deus te ama e eu te amo, vivamos sempre assim.

EU TENHO UM AMIGO QUE ME AMA
   E                     B7      E
Eu tenho um amigo que me ama, me ama, me ama,
                                  B7       E
Eu tenho um amigo que me ama, seu nome é Jesus.
     A      E        B7       E
/: Jesus! Jesus, Seu nome é Jesus: /
Os canticos cifrados 



Um comentário:

  1. NOVO OLHAR SOBRE A MATEMÁTICA, Jornal Beira do Rio, UFPA, Abril 2011,
    www.jornalbeiradorio.ufpa.br/novo/index.php/2011/124-edicao-93--abril/1189-novo-olhar-sobre-a-matematica

    MÁRIO SERRA - ENGENHEIRO, MATEMÁTICO E AMAZÔNIDA, Jornal Beira do Rio, UFPA, Ano XXVIII Nº 120. Agosto e Setembro de 2014,
    http://www.jornalbeiradorio.ufpa.br/novo/index.php/2014/152-2014-08-01-17-25-17/1618-2014-08-04-14-34-28

    RENATO PINHEIRO CONDURÚ (Belém-Pa, 25/08/1926 - 23/06/1974), ENGENHEIRO-MATEMÁTICO PARAENSE: INDO DO GUAMÁ ALÉM DO VAL DE CÃES ( solicite por e-mail: jbn@ufpa.br)

    ALGUMAS MULHERES DA HISTÓRIA DA MATEMÁTICA E QUESTÃO DE GÊNERO EM C & T.
    http://sitiodascorujas.blogspot.com.br/2013/06/mulheres-na-matematica.html

    CONSTANTINO MENEZES DE BARROS I - MATEMÁTICO QUE LIGA O PARÁ/BR AOS MAIORES CENTROS DO MUNDO E COMPARÁVEL AOS GRANDES ÍCONES DA HISTÓRIA DA MATEMÁTICA (II a V não publicados, disponível por e-mail), (Óbidos-Pa, 19/08/1931, Rio de Janeiro-RJ, 06/03/1983), Ex-Docente UFF e UFRJ,
    www.chupaosso.com.br/index.php/obidos/educacao/2149-vida-e-obra-de-constantino-menezes-de-barros

    PROFESSORA SANTANA: Candidata a Melhor Docente do Ensino Básico Paraense, Blog Chupa Osso, 23 Junho 2013, www.chupaosso.com.br/index.php/obidos/educacao/2453-proessora-santana-candidata-a-melhor-docente-do-ensino-basico-paraense

    SABER MATEMÁTICO E CULTURA INDÍGENA, blogue da AICL, 20 de Setembro de 2011,
    http://coloquioslusofonia.blogspot.com.br/2011/09/saber-matematico-e-cultura-indigena.html

    PAIRÉ CAMETAENSE: UMA BELA OBRA EM MATEMÁTICA E ENGENHARIA (não publicado, disponível por e-mail: jbn@ufpa.br)

    CONHEÇA MARIA LAURA MOUZINHO LEITE LOPES, UMA DAS PRIMEIRAS DOUTORAS EM MATEMÁTICA DO BRASIL!,
    http://encontrodejovenscientistas.com/2015/02/02/conheca-maria-laura-mouzinho-leite-lopes-uma-das-primeiras-doutoras-em-matematica-do-brasil/

    NASCIMENTO, J.B., GOMES, S.C. L., MAGNO, C. S. E MOREIRA, A. M. S. , CICLOIDE E BRAQUISTÓCRONA, www.sobralmatematica.org/preprints/preprint_2015_01.pdf, acesso fev/15

    ResponderExcluir